CRONOLOGIA DOS PRIMEIROS APÓSTOLOS

 


Todas as Atividades dos Apóstolos Cronologicamente

 

As datas em que foram redigidas as epístolas, são aproximadas.

1. Atos 1:1–11 Jesus ascendeu ao céu. Os anjos prometeram a Seus discípulos que um dia Ele voltaria em grande glória.

2. Atos 1:12–26 O Senhor escolheu Matias para substituir Judas Iscariotes como Apóstolo.

3. Atos 2:1–47 O Espírito Santo foi derramado no dia de Pentecostes. Pedro testificou de Cristo e muitos creram e foram batizados.

4. Atos 3:1–26 Pedro curou um coxo no templo e testificou da Restauração nos últimos dias.

5. Atos 4:1–31 Pedro e João foram presos por uma noite e proibidos de ensinar sobre Cristo. Eles continuaram a testificar com destemor.

6. Atos 4:32–37 Os membros da Igreja eram unos de “coração e (...) alma” e “todas as coisas lhes eram comuns”. (V. 32)

7. Atos 5:1–11 Ananias e Safira mentiram para o Senhor e morreram.

8. Atos 5:17–42 Pedro e João foram aprisionados pelo Sinédrio e libertados por um anjo. Apesar das ameaças, continuaram a pregar sobre Cristo.

9. Atos 6:1–7 Sete discípulos fiéis foram chamados e designados para auxiliar os Apóstolos.

10. Atos 6:8–7:60 Estevão, um dos sete, prestou testemunho de Cristo para o Sinédrio. Ele foi apedrejado até a morte.

11. Atos 7:57–8:3 Um jovem rabino chamado Saulo participou do apedrejamento de Estevão e perseguiu ativamente a Igreja.

12. Atos 8:4–13 Filipe, outro dos sete, realizou batismos em Samaria.

13. Atos 8:9–25 Pedro e João foram a Samaria para conceder o Espírito Santo pela imposição das mãos. Simão, um membro novo, perguntou se poderia comprar o sacerdócio e foi repreendido por Pedro.

14. Atos 8:26–40 Filipe ensinou e batizou um eunuco egípcio.

15. Atos 9:1–22 Saulo, a caminho de Damasco, ficou cego quando Jesus lhe apareceu. Em Damasco, Saulo foi curado, batizado e começou a pregar sobre Cristo nas sinagogas.

16. Atos 9:23–26; II Coríntios 11:32–33; Gálatas 1:15–18 Saulo foi à Arábia e voltou a Damasco depois de três anos. Quando os líderes judeus conspiraram para matá-lo, ele fugiu para Jerusalém, mas muitos dos discípulos em Jerusalém duvidavam que Saulo se convertera verdadeiramente. Saulo passou 15 dias com Pedro.

17. Atos 9:27 Barnabé falou aos Apóstolos em nome de Saulo, que se arrependera de seus pecados do passado.

18. Atos 9:29–30; Gálatas 1:21–24 Saulo foi a Tarso e passou cerca de quatro anos ensinando na Síria e na Cilícia.

19. Atos 9:31–43 Pedro curou Enéias e levantou Dorcas dos mortos.

20. Atos 10:1–11:18 Numa visão, Pedro recebeu o mandamento de levar o evangelho aos gentios. O Espírito Santo derramou-Se sobre Cornélio e sua família e eles foram batizados.

21. Atos 11:25–26 Saulo ajudou Barnabé a ministrar à Igreja em Antioquia durante um ano.

22. Atos 11:29–30 Saulo e Barnabé enviaram ajuda dos santos de Antioquia aos santos necessitados de Jerusalém.

23. Atos 12:1–2 O Apóstolo Tiago foi decapitado pelo rei Herodes Agripa I.

24. Atos 12:3–23 Pedro foi aprisionado. Foi libertado por um anjo do Senhor. O anjo feriu Herodes, e Herodes morreu.

25. Atos 12:25 Barnabé, Marcos e Saulo voltaram para Antioquia.

26. Atos 13:1–12 Saulo, com Barnabé e Marcos, foi ao Chipre para pregar o evangelho. Saulo, agora conhecido também como Paulo, começou sua primeira viagem missionária.

27. Atos 13:13–14:6 Paulo visitou Perge e Antioquia, na Pisídia, e Icônio, onde teve grande sucesso ao batizar os gentios.

28. Atos 14:6–19 Em Listra, Paulo curou um paralítico. Os cidadãos acreditavam que Paulo e Barnabé eram deuses. Paulo foi apedrejado e tido por morto.

29. Atos 14:20–15:3 Depois de muito sucesso em Derbe, Paulo voltou para Antioquia, fazendo paradas em algumas cidades para fortalecer os membros.

30. Atos 15:4–29; Gálatas 2:1–3 Pedro presidiu uma assembléia de líderes da Igreja em Jerusalém, onde se estabeleceu o que os gentios precisam fazer para ser bons membros. Paulo, Barnabé e Tito participaram.

31. Atos 15:30–35 Judas e Silas, acompanhados de Paulo e Barnabé, voltaram a Antioquia. A decisão da assembléia de Jerusalém foi recebida com grande alegria.

32. Atos 15:36–40 Com Silas como companheiro, Paulo começou sua segunda viagem missionária.

33. Atos 16:1–3 Em Listra, Timóteo filiou-se à Igreja e tornou-se o companheiro missionário de Paulo e Silas.

34. Atos 16:8–11 Paulo viajou a Trôade, onde teve uma visão que o orientou, bem como a seus companheiros, a ir à Macedônia.

35. Atos 16:10–11 Lucas uniu-se a Paulo e seus companheiros.

36. Atos 16:12–15 Em Filipos, Lídia e sua família converteram-se ao Senhor.

37. Atos 16:16–40 Em Filipos, Paulo e Silas foram espancados e aprisionados. Depois que um terremoto estremeceu a prisão, o carcereiro e sua família foram batizados. Paulo e Silas foram libertados da prisão.

38. Tiago Tiago, um líder da Igreja em Jerusalém, escreveu para as “doze tribos que [andavam] dispersas”. (1:1) Essa parece ter sido a primeira epístola geral.

39. Atos 17:1 Paulo e seus companheiros viajaram por Anfípolis, Apolônia e Tessalônica.

40. Atos 17:2–9 Na Tessalônica, Jasom, um parente de Paulo, e outros creram em Cristo. Uma multidão prendeu Jasom. Paulo e seus companheiros fugiram.

41. Atos 17:15–34 Paulo deixou Timóteo e Silas em Beréia e viajou para Atenas. Paulo ensinou a alguns filósofos gregos no Areópago.

42. Atos 18:1–3, 5, 11 Paulo reuniu-se com Silas e Timóteo em Corinto. Paulo ensinou e trabalhou lá durante um ano e meio.

43. Atos 18:2–18 Em Corinto, Aqüila e sua esposa, Priscila; Justo; e Crispo, principal da sinagoga; acreditaram em Cristo. Paulo foi preso e levado perante um governador romano.

44. I Tessalonicenses; II Tessalonicenses De Corinto, Paulo redigiu duas epístolas para os santos em Tessalônica.

45. Atos 18:18–21 Paulo viajou para Éfeso e pregou na sinagoga.

46. Atos 18:21–22 Paulo foi a Jerusalém, saudou a Igreja lá e voltou para Antioquia.

47. Atos 18:24–28 Apolo, um judeu egípcio, foi a Éfeso e foi ensinado por Aqüila e Priscila.

48. Atos 18:23; 19:1 Paulo visitou e fortaleceu a Igreja na Galácia e na Frígia. Ficou em Éfeso por cerca de três anos.

49. Atos 19:1–7 Paulo concedeu o dom do Espírito Santo aos discípulos batizados por Apolo.

50. Atos 19:11–20 Paulo realizou muitos milagres em Éfeso, e a Igreja cresceu lá.

51. I Coríntios Durante sua estada em Éfeso, Paulo escreveu para os santos em Corinto.

52. Atos 19:23–41 Em Éfeso, os adoradores da deusa grega Diana incitaram o povo a insurgisse contra Paulo e os cristãos. Gaio e Aristarco foram levados por uma multidão, mas depois foram soltos sem sofrer maus-tratos.

53. II Coríntios Durante sua estada na Macedônia, Paulo escreveu novamente para os santos em Corinto.

54. Atos 20:1–2 Paulo viajou para a Grécia, onde ficou por três meses.

55. Gálatas Paulo escreveu para os santos na Galácia.

56. Atos 20:2–6 Paulo e sete companheiros visitaram cidades da Grécia e lá pregaram.

57. Romanos Paulo escreveu para os santos de Roma.

58. Atos 20:6–12 Em Trôade, Paulo devolveu a vida a um jovem chamado Êutico.

59. Atos 20:13–38 A caminho de Éfeso, Paulo parou em Mileto e advertiu os santos sobre a apostasia. Disse-lhes que tinha de voltar a Jerusalém para o dia de Pentecostes.

60. Atos 21:1–15 A caminho de Jerusalém, Paulo visitou os santos de Tiro e Cesaréia.

61. Atos 21:16–23:10 Paulo reuniu-se com os líderes da Igreja em Jerusalém. Foi ao templo, o que causou alvoroço. Ele falou aos saduceus e fariseus sobre sua conversão a Cristo. Foi preso por soldados romanos e levado a Cesaréia por questões de segurança pessoal.

62. Atos 23:11–26:32 Paulo apresentou-se diante de duas autoridades romanas, Festo e Herodes Agripa II. Paulo falou-lhes de sua conversão e testificou de Cristo. Eles decidiram enviá-lo a Roma para ser julgado.

63. Atos 27:1–28:16 Sob custódia dos romanos, Paulo seguiu viagem para Roma. Depois de um naufrágio, ele nadou para Malta. Paulo não foi afetado pela picada de uma cobra e curou muitas pessoas.

64. Atos 28:16–31 Paulo ficou em prisão domiciliar durante dois anos em Roma.

65. Efésios; Filipenses; Colossenses; Filemom; Hebreus Em Roma, Paulo escreveu para os santos nas cidades de Colossos, Filipos e Éfeso e para um discípulo chamado Filemom. Ele explicou também aos membros judeus da Igreja que a lei de Moisés fora cumprida pela lei de Cristo.

66. I Timóteo 1:3; II Timóteo 4:13, 20; Tito 1:5; 3:12 Libertado da prisão, Paulo viajou para a Grécia e é provável que tenha revisitado os santos em muitas cidades. Pode ser que ele tenha pregado até na Espanha.

67. I Timóteo; Tito Da Grécia, Paulo escreveu sua primeira epístola para Timóteo. Escreveu também uma carta para Tito, que estava em Creta.

68. I Pedro Pedro escreveu para a Igreja, provavelmente de Roma.

69. Marcos 1:1; Lucas 1:1–4; Atos 1:1 Marcos e Lucas escreveram, cada um, um evangelho, e Lucas redigiu ainda o livro de Atos dos Apóstolos.

70. Mateus 1:1 Mateus escreveu seu evangelho.

71. II Timóteo 4:6 Paulo foi preso e enviado aRoma para outro julgamento.

72. II Timóteo Paulo escreveu novamente para Timóteo. Essa foi a última epístola de Paulo no Novo Testamento.

73. É provável que Paulo tenha sido executado em Roma na época em que Nero era imperador de Roma.

74. II Pedro Pedro escreveu novamente para a Igreja.

75. II Pedro 1:14 É provável que Pedro também tenha sido executado durante o reinado de Nero.

76. A Cidade de Jerusalém, incluindo o templo, foi destruída pelos romanos. Muitos judeus foram mortos ou dispersos.

77. Judas Judas, o irmão de Tiago, escreveu para a Igreja, com advertências sobre a apostasia.

78. Apocalipse 1:9 Enquanto vivia em Éfeso, João foi exilado para a ilha de Patmos.

79. Apocalipse 1–22 João teve uma visão do Senhor e recebeu mensagens para sete ramos da Igreja. Escreveu a visão e enviou-a para a Igreja. Anteviu também acontecimentos dos últimos dias e o triunfo final de Deus

e Seu reino por meio do Salvador Jesus Cristo.

80. João 21:25 João escreveu seu evangelho.

81. I João; II João; III João João escreveu três epístolas. Ensinou sobre Cristo e o amor. Exortou os membros a serem fiéis à verdade.

82. João 21:20–24 João foi transladado a fim de continuar sua missão na Terra até a Segunda Vinda de Cristo.

83. II Tessalonicenses 2:3 A Grande Apostasia.

LIVRO DE MÓRMON

84. 3 Néfi 11:1–26:15 Jesus Cristo visitou o povo da América e ministrou a eles.

85. 4 Néfi 1:1–3 Todo o povo converteu-se ao Senhor e eles “tinham todas as coisas em comum”. (V. 3)

86. 4 Néfi 1:7–18 O povo reconstruiu suas cidades. Não havia contendas na terra, e não “poderia haver povo mais feliz”. (V. 16)

87. 4 Néfi 1:19 Houve paz contínua na terra. Néfi confiou os registros a seu filho Amós.

 Fonte: Liahona, Julho/2003